Oficializado a abertura da Residência Médica de Ortopedia e Traumatologia no HOC em Ceres

Publicado em 28/09/2021 às 16h 21min

Posto Caldeirão

Hoje pela manhã (29/9) foi oficializado a abertura da Residência Médica na área Cirúrgica no HOC em Ceres. O estudante de medicina Renato Hungria, disse à reportagem do JP sobre esse assunto muitíssimo relevante para a cidade e região.

 

Renato, destacou que o Hospital Ortopédico é pioneiro em trazer a residência Médica para Ceres. Para ele, todo esse desenvolvimento é muito bom não só para Ceres, mas para toda região do Vale de São Patrício e norte goiano, já que com essa residência, o HOC estará especializando profissionais dentro da própria casa.

 

Autorizada pelo Ministério da Educação (MEC), segundo Renato, o profissional já sai com o Registro de Qualificação de Especialista (RQE).  O padrão de aplicação das provas é o mesmo que é aplicado em São ou outro estado. Ou seja, se o profissional for fazer residência médica no Rio ou São o padrão é o mesmo. Disse Renato.

 

As atividades darão início em março de 2022, mas antes será publicado o edital, marcar data e inscrição da prova, padrão exigido pelo MEC.

 

LEIA TAMBÉM: 


HOC em Ceres, é o primeiro hospital em toda região a realizar cirurgia da coluna 

 

 Inaugurada as novas e modernas instalações do HOC em Ceres 


Médico radiologista coordena serviço de imagem do HOC em Ceres (ressonância magnética)



O diretor presidente do HOC, Dr. Adriano Alves de Meneses, ressaltou o volume de cirurgias que é muito bom, volume ambulatorial grande de cirurgias ortopédicas e traumatológicas.  

 

Para ele, o grande beneficiado é o aluno que vai passar por uma residência, que apesar de ser o primeiro ano, possui um corpo docente excelente, com subespecialistas em diversas áreas: quadril, joelho, tornozelo, ombro. Isso segundo Adriano, permite que o aluno tenha possibilidade de ver vários tipos de cirurgias, fazendo com que a formação do residente seja bem profissional.

 

Após pleitear a residência, Dr. Adriano disse que será ampliado o serviço de alta complexidade de SUS para que possa realizar cirurgias de coluna o que tudo isso vai agregar na formação do residente.

 

Dra. Claudia Regina Guimarães, Supervisora da Residência, Dr. Adriano Alves de Meneses, Diretor do Hospital, Dr. Ricardo Zaibak, Coordenador da Residência, Renato Hungria, Secretario do programa de residência, DR. Tarcísio Gutierre, Chefe da preceptoria, Dr. Thiago Mendes, Vice coordenador. 

Encontre mais notícias relacionadas a: Saúde;

Veja também

Ver mais notícias