"Não vejo com bons olhos essa ruptura entre Prefeitura e Hospital São Pio X, mas não quero entrar no mérito da gestão atual"

Cerca de 80 servidores da saúde da UPA e SAMU ficaram de assinar o aviso prévio nesta terça (24)- demissões.

Publicado em 24/08/2021 às 22h 19min

Posto Caldeirão

O ex-prefeito de Ceres, falou com a reportagem do Populacional, sobre o assunto que está sendo repercutido em Ceres das cerca de 80 demissões da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgências (SAMU).   

 

De acordo com Rafaell Melo, em sua gestão de forma alguma pensou em cancelar o contrato de prestação de serviço com o Hospital São Pio X. Segundo Rafaell, por vários motivos, pela história do hospital que representa a cidade, principalmente pela questão delicada.

 

Cerca de 80 servidores da saúde da UPA e SAMU ficaram de assinar o aviso prévio nesta terça (24).  

 

Nesta terça-feira  24 de agosto de 2021, cerca de  80 servidores,  profissionais da área de saúde ficaram de assinar o aviso prévio. Para o ex-prefeito, não são somente 80 profissionais, são 80 famílias representadas por esses servidores com os quais, ele (Rafaell) trabalhou durante 4 anos, são pessoas competentes que levam o melhor do trabalho, da Saúde à população ceresina e do Vale do São Patrício.

 

LEIA TAMBÉM:

Nesta terça (24) cerca de 80 profissionais da UPA e SAMU Ceres, entram de aviso prévio 


Vereadores abordam o escândalo das vacinas em Ceres e questionam Assistência Social 

Rafaell, destacou o que vem escutando, sendo ventilado que a forma de contratação de novos profissionais e esses que estão cumprindo aviso seriam através de pessoa jurídica. Para o ex-prefeito, isso reflete na vida do servidor público, porque a partir do momento desta contratação por pessoa jurídica, essas pessoas que eram celetistas, elas tinham direito a férias 13º, a partir do momento que essa pessoa abre uma empresa, além do custo da empresa, ela ainda não terá direito a seu 13º salário que tinham anteriormente contratado através da CLT.

 


"É muito triste, realmente a situação do Hospital Pio X". Rafaell  lembrou que durante os 48 meses de sua gestão foi cumprida a risca o  convênio com o Hospital Pio X.

 


Veja o reportagem completa no vídeo


A partir do dia 15 de setembro de 2021, a prefeitura assume a gestão da UPA e SAMU

 

A partir do dia 15 de setembro de 2021, a prefeitura assume a gestão da UPA e SAMU. Rafaell Melo ressalta que é um direito do município realmente fazer a gestão da UPA e do SAMU, porém, no seu entendimento pessoal, essa forma como vem atuando a gestão própria do Pio X,  UPA e SAMU vinculado ao Hospital Pio X, é muito mais benéfica, porque a estrutura do Hospital Pio X  é totalmente unificada com a UPA e SAMU. Ele destacou a limpeza, alimentação,  parte  laboratorial, todas essas partes são realizadas pelo Hospital São Pio X. "Tudo isso facilita muito na redução dos custos". Disse.

 

Convivência excepcional com a diretoria do Pio X

 

 Rafaell Melo, conta que sempre teve excepcional convivência com a diretoria do Pio X, na época do Edivânio Antônio da Silva, do bispo Dom Eugênio e da Shirlei que continua até hoje,  do Marco Aurélio que veio recentemente.

 


"Tivemos um respeito muito grande pelo Pio X,  e sabemos da luta dos servidores".

 

"Tivemos um respeito muito grande pelo Pio X e sabemos da luta desses servidores tem que enfrentar para subsistência do hospital, e isso reflete diretamente no atendimento ao público".

 


Rafaell fala dos encargos trabalhistas, "dificuldade vai ser grande".

 


"Uma coisa eu tenho certeza, dificuldade vai ser grande, até porque o próprio custeio do hospital, ele depende muito de ajuda de parlamentares, da própria população, então uma coisa acontecend, já é difícil a situação financeira do hospital, ainda ter que arcar com o pagamento dos encargos trabalhistas, com toda certeza vai prejudicar ainda mais o hospital".

 

Rafael,  acredita pela competência da diretoria do hospital, vai se achar de uma forma para continuar prestando esse serviço de qualidade a população.

 


VEJA REPORTAGEM COMPLETA NO VÍDEO ACIMA.

 

 

Encontre mais notícias relacionadas a: Notícia;

Veja também

Ver mais notícias