Nesta terça (24) cerca de 80 profissionais da UPA e SAMU Ceres, entram de aviso prévio

R$ 1.300.000 (Um milhão e trezentos mil) de emenda que veio para o Pio X, mas não entrou nos cofres do Hospital.

Publicado em 23/08/2021 às 21h 17min

Posto Caldeirão

A Associação São Pio X em Ceres está em uma situação extremamente delicada. Uma instituição com mais de 70 anos prestando serviços a comunidade ceresina e toda região.

 

A reportagem do Jornal Populacional conversou com o Diretor Marco Aurélio e a Coordenadora Administrativa Shirlei Kellen Ferreira.

 

Marco Aurélio explicou a situação depois de os funcionários receberem a noticia de que todos  seriam demitidos, inclusive segundo Marco Aurélio, nesta terça-feira (24/8/2021), cerca de 80 funcionário vão assinar o aviso prévio e a partir do dia 15 de setembro de 2021, a prefeitura de Ceres, assume toda a responsabilidade de reger a saúde em Ceres, UPA e SAMU.  

 

LEIA TAMBÉM:

Mais de 60 funcionários da UPA e SAMU de Ceres são demitidos, a saúde pode virar um caos. 


Moradora de Ceres fica indignada com a demora no atendimento na UPA


Grupo de médicos paralisa parcialmente atendimento na UPA de Ceres

 


Marco, conta que tem tratado junto a Comissão de Transição todos os assuntos inerentes a demissão em massa provocada pela atual gestão em encerrar o contrato. Explica ainda que no dia 15 de setembro todos os cerca de 80 colaboradores estarão efetivamente desligados do hospital.

 

Com essa decisão da prefeitura de Ceres, o Hospital São Pio X, vai procurar se adequar drasticamente para tentar sobreviver a nova realidade.

 

Marco, ressalta que olha a situação do Pio X hoje com muito mais cuidado, já que o corte de receita foi muito expressivo.

 


Dois milhões para acertos trabalhistas, o Pio X não tem esse dinheiro.


 

O diretor disse que está trabalhando junto ao município onde foram protocolados alguns documentos os quais falam em reequilíbrio econômico financeiro, essa semana será protocolado mais um pedido de ajuda a prefeitura para que possa auxiliar ao pagamento as rescisões de cada profissional. Marco, fala que hoje o hospital não tem esse valor provisionado que no caso são cerca de dois milhões de reais.

 

Segundo o diretor que está tentando com a prefeitura a ajudar pagar essas rescisões,   a prefeitura alega não ter essa verba. Já que o contrato da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) há muito tempo vem em desequilíbrio. A Coordenadora disse que desde de 2014 o contrato da UPA, não teve nenhum reajuste, por isso a direção cobra o valor para assim realizar as rescisões naturalmente.  

 

Mais notícias:

Prefeito de Ceres afasta servidoras no caso escândalo das vacinas


MP prepara ingresso em juízo para afastamento dos agentes públicos envolvidos no escândalo das vacinas em Ceres


Vereadores abordam o escândalo das vacinas em Ceres e questionam Assistência Social

 


 Caso o Pio X não conseguir pagar as rescisões, "provavelmente a gente vai ser acionador judicialmente".

 

O Diretor contou que caso o hospital não conseguir pagar os direitos trabalhistas dentro do prazo legal, provavelmente a instituição será acionado judicialmente.

 


R$ 1.300.000 (Um milhão e trezentos mil) de emenda que veio para o Pio X, mas não entrou nos cofres do Hospital.

 


O valor de R$ 1.300.000 (um milhão  e trezentos mil reais que foram trabalhados na gestão passada (Rafael Melo) emenda do deputado Federal José Nelto (Podemos).  

 

De acordo com o Diretor Marco Aurélio, o valor de R$ 1.300.000, era para cair nos cofres do Hospital São Pio X. O dinheiro que foi trabalhado na gestão passada, só chegou na gestão atual, isso foi uma promessa do deputado José Nelto.

 

O diretor do Pio X disse que sentia realmente que o dinheiro seria de fato do hospital, mas no entendimento da gestão atual mudou, " ele entende que esse dinheiro, ele que tinha que administrar". Segundo Marco, o dinheiro não entrou para os cofres do Pio X.

 


Promessa da atual gestão para com o Pio X - UTIs, que seriam instaladas com o dinheiro, não foi cumprida.

 

O diretor disse que na promessa, a atual gestão iria instalar até o dia 30 de junho de 2021, cinco leitos de UTIs com o dinheiro, e já no final do ano seria instalados mais cinco leitos, sendo que a compra seria feita via município para assim o Pio X viabilizasse o serviço de UTIs. Tudo isso seria instalados com o dinheiro da emenda do deputado José Nelto, de R$ 1.300.000. O mês de junho passou e não foram instalados, agora resta esperar a instalação em dezembro daqui a quatro meses.

 

OUÇA A RÁDIO LEGAL FM AQUI

 

Outra verba no valor de R$ 300.000. (trezentos mil) também do deputado José Nelto que chegou este ano  (2021), mas que também o Pio X não recebeu.


Total de R$ 1.600,000 (um milhão e seiscentos mil reais). Afirma  Marco Aurélio.


 

Transparência do Pio X

 


De acordo com o Marco Aurélio, a instituição vem sofrendo ataques por parte da gestão atual em relação a transparência. Marco, alega que a prefeitura fala da falta de transparência do Pio X, inclusive foi veiculado pela gestão atual, um vídeo nas redes sociais sobre essa falta de transparência,  inclusive segundo Marco, são assuntos que já tinham sido tratados com a prefeitura.

 

Após esse vídeo, a associação achou por bem esclarecer tudo a comunidade ceresina, já que desde o inicio do ano (2021) o Pio X vem sofrendo ataques contínuos e sempre permanecendo em silêncio.

 

Os ataques são em relação a prestação de contas, falta de transparência, os custos. A direção informou que já enviou inúmeras vezes prestações de contas, se colocando a disposição para montar os documentos e oito meses depois falando do mesmo assunto, que não tem transparência.

 

Foram entregues três tipos de transparência, segundo Marco, ninguém apontou nada de errado, ninguém criticou, tudo certo, e ainda continua se falando em falta de transparência. " Deveria de pelo menos dar uma resposta, eu não quero desse jeito, que quero nesse formato, que quero num formato x para que a gente possa adequar".

 

 

De acordo com a Coordenadora Shirlei, não há informação que não possa ser repassada. E que tem fornecido mensalmente cópia de todas as notas fiscais, tudo. "não tem como ser falta de transparência". Disse Shirley.

 


"Estamos de portas abertas para qualquer dúvida do hospital". Encerrou o diretor. 

Encontre mais notícias relacionadas a: Notícia;

Veja também

Ver mais notícias